Carlos Castro terá sido torturado durante uma hora com um saca-rolhas

 :: Geral

Ir em baixo

Carlos Castro terá sido torturado durante uma hora com um saca-rolhas

Mensagem por Nemmelodigas em Ter Jan 11, 2011 5:14 am

Carlos Castro terá sido torturado durante uma hora por Renato Seabra. Segundo avançava, ontem, a Imprensa nova-iorquina, o jovem está indiciado por homicídio em segundo grau, depois de ter confessado que brutalizou o jornalista e o mutilou com um saca-rolhas.




"Já não sou gay!". Foram estas as palavras que Renato Seabra, 21 anos, terá proferido diante das autoridades norte-americanas, quando interrogado sobre o homicídio de Carlos Castro, 65 anos.

Segundo avançava, ontem, o "New York Post", o jovem foi interrogado na noite de domingo, com auxílio de um intérprete, e terá confessado o crime. O modelo avançou que torturou o jornalista durante uma hora, acabando por o mutilar, com um saca-rolhas, num olho e nos órgãos genitais.

A justificação avançada, segundo a Imprensa, realçava o intuito de o libertar de "demónios e de um vírus". No entanto, as autoridades consideraram que os termos utilizados estarão relacionados com o comportamento homossexual e não com qualquer doença, como sida. Segundo a Polícia de Nova Iorque, Renato Seabra enfrentará agora "uma acusação de homicídio em segundo grau", revelou, à agência Lusa, o detective Cavatalo.

A Imprensa nova-iorquina dava conta, ontem, de que o jovem terá confrontado Carlos Castro, dizendo-lhe que não era homossexual e que apenas estava a usá-lo pelo seu dinheiro e influência, sendo que a discussão ficou aguerrida depois de o cronista ter recusado pagar "compras de luxo" ao jovem . A esta conversa ter-se-á seguido o espancamento, tortura e a morte do colunista. A autópsia a Carlos Castro determinaria a causa de morte: lesões na cabeça e no pescoço, existindo marcas de estrangulamento.

Segundo o "Daily News", o jovem terá pontapeado e esmurrado Carlos Castro, atingindo-o na cabeça com o monitor de um computador portátil. Depois, com um saca-rolhas, terá mutilado o jornalista, que, nessa altura, já estaria inconsciente.

Tomou banho após o crime

Depois do crime, o modelo terá tomado banho e vestido um fato, saindo depois do hotel Intercontinental. Foi então que o jovem se terá cruzado com duas amigas de Carlos Castro que, preocupadas com a ausência de notícias do amigo, resolveram ir ao hotel. Instado sobre o paradeiro do jornalista, o jovem terá respondido apaticamente: "O Carlos não sai mais do quarto", fugindo.

Quatro horas depois, Renato deu entrada num hospital onde receberia tratamento médico, ao que tudo indica, a ferimentos auto-infligidos nos pulsos e na face.
avatar
Nemmelodigas
Forum Professional
Forum Professional

Mensagens : 406
Data de inscrição : 06/12/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 :: Geral

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum